04/01/14

INDEFINIÇÃO


O amor é um gigante que engole os amantes
tão despreocupados e desatentos,
que aportam em baías de paixão e desejos.
Mergulhar no amor é uma viagem de tormentas
mas de esperança de porto seguro no encontro
de almas. O amor não se define, não se explica
com palavras vulgares.
O amor é a muralha do meu ser.

2 comentários:

Nuno Miguel disse...

Todos procuramos um porto seguro...Excelente trabalho Isabel, adorei.

Ruy Barros disse...

De amor, eu nada sei, apenas o sinto e isso é tudo que sei dele.

Enviar um comentário