16/05/10

RECOLHIMENTO

Recolho-me e adormeço sob um tapete de estrelas
embrulhada nas saudades que sinto de mim.
Sonho com o meu eu perdido em ti.Roubaste-me
de mim!Levaste-me para tua vida, os meus olhos nos teus,
as minhas mãos nas tuas,o meu íntimo no teu.
Este meu querer de te querer e não me quereres
atirou-me para um vazio letal,voraz e permanente.
Agora só sobra a vontade de voltar a mim,um dia.


(publicada na Revista Cultural Novitas Nº5 - http://www.scribd.com/doc/31423249/Revista-Cultural-Novitas-N%C2%BA5)

1 comentário:

Marcos R. B. Lima disse...

Parabéns pelo ótimo poema e pela publicação!

Abraços.

Enviar um comentário